FLOGNEGRAS

Minha foto
Itabuna, Bahia, Brazil
Este blog é em protesto ao FLOGÃO.COM.BR já que meu flog foi censurado e retirado por expor a beleza da mulher brasileira. Por puro racismo eu fui expulso. Sou um apaixonado pela beleza da mulher brasileira, aquela que passa todos os dias perto de mim, anônimas, mas que levam charme e beleza que me cativam.

terça-feira, 18 de abril de 2017













SEI QUE É TENTAÇÃO
SEI SIM
SEI QUE ALÉM DE TUDO QUE VEJO
TEM MUITO MAIS A ME MOSTRAR
SEI QUE NÃO É SÓ UM CORPO LINDO E ESBELTO
NÃO É SÓ ISTO QUE TENS A ME MOSTRAR
JUSTAMENTE POR ISSO
A TENTAÇÃO ME CABE A CADA INSTANTE
OLHAR, TE VER, PERCEBER...
VONTADE DE TE SENTIR
DE TE TER
TENTAÇÃO DEMAIS PARA UM SER...

sexta-feira, 30 de dezembro de 2016


O CALENDÁRIO VAI MUDAR, MAS TUDO AQUILO QUE FIZEMOS EM 2016 NÃO VALERÁ DE NADA SE NÃO CONTINUARMOS A TRILHAR O CAMINHO PARA REALIZAR NOSSOS SONHOS.
AGRADEÇO A VOCÊ QUE CONFIOU EM NOSSA AMIZADE, JUNTOS CHORAMOS E SORRIMOS E NÃO PERDEMOS O ESSENCIAL DA VIDA, A FÉ NO FUTURO.
2017 É O FUTURO QUE ESTÁ CHEGANDO E ELE SERÁ A PROVA QUE ESTAMOS CERTOS NOS NOSSOS PROPÓSITOS, SENDO ASSIM VAMOS FAZER DE 2017 O MELHOR ANO DE NOSSAS VIDAS E QUE SEJA ELE O INICIO DE UMA HISTÓRIA DE SUCESSO E GLÓRIAS
QUE SOLIDIFIQUEMOS NOSSA AMIZADE E NOSSO COMPROMISSO DE TRANSFORMARMOS O MUNDO QUE VIVEMOS CADA VEZ MELHOR.



FELIZ ANO NOVO





























quarta-feira, 31 de agosto de 2016

 PRETA, VOCÊ É LINDA

PRETINHA VOU TE CONFESSAR - NEGO DO BOREL
 

Pretinha Vou Te Confessar - Nego do Borel
Pretinha, vou te confessar
Na hora em que me olhou, também olhei
Foi mais de duas horas que eu também fiquei
Te admirando
O som tava ali
O groove tava alto pra gente curtir
As minas cochicharam, que eu percebi
Eu percebi que estava me querendo
Só questão de tempo
Só questão de chance
Pra isso acontecer
Virar logo um romance
Seu beijo me conquistou
Penso nele a cada instante
Sorriso contagioso
Alegria viciante
Parece coisa de novela
Um olha pro outro
E, quando vê, já era
Sentado na minha cama
O pensamento vai nela
Que coisa estranha, loucura pampa
Você passava na minha rua
Eu nem te dava bola
Toda simplesinha, quieta indo pra escola
Cabelo arrumado, sapato fechado
Mas eu sempre soube
Que você tinha um rebolado
Pretinha, vou te confessar
Na hora…